This site will look much better in a browser that supports web standards, but it is accessible to any browser or Internet device.



blog0news


  • TA TUDO MUITO ESQUISITO, DEPOIS QUE VISUAL VIROU QUESITO

  • Vislumbres

    Assinar
    Postagens [Atom]

    Powered by Blogger

    Fragmentos de textos e imagens catadas nesta tela, capturadas desta web, varridas de jornais, revistas, livros, sons, filtradas pelos olhos e ouvidos e escorrendo pelos dedos para serem derramadas sobre as teclas... e viverem eterna e instanta neamente num logradouro digital. Desagua douro de pensa mentos.


    sábado, março 01, 2014

    RoboCop in review



    The final irony is this. The film suggests a future when we’re suspicious and uneasy about technology doing our dirty criminal work for us. Yet today, in 2014, computers are already doing this for us. We humans can’t resist our devices. We’re tethered to our laptops and smart phones as if they were hard-wired into our central nervous systems. Google, Foursquare, E-ZPass, iPads, and countless other apps, social networks, and devices are collecting data on our every move, as bad as any surveillance drone. 

    read the review 
    RoboCop in review - Boing Boing

    sexta-feira, fevereiro 28, 2014

    pela cochlea: Louis Armstrong and Johnny Cash, "Blue Yodel No 9"

    Luiz Bolognesi: Água, uma tragédia anunciada


     


    " Se estivéssemos um pouco mais atentos, minimamente de olhos abertos, deveríamos estar comprometidos até o último fio de cabelo com as campanhas de desmatamento zero e os projetos de recuperação de mata ciliar, áreas de nascentes e recursos hídricos.

    Não vi os fazendeiros da soja, cana ou gado refletindo sobre esse problema, que vai arruinar o negócio deles quando o oceano de nuvens que desce da Amazônia parar de dar as caras. Tampouco vi "black bloc" empunhando cartaz sobre o tema.

    Mas li neste jornal que quase 150 municípios do Estado estão fazendo racionamento de água e os mananciais estão com níveis perigosamente baixos."

    leia mais:
    Luiz Bolognesi: Água, uma tragédia anunciada - 23/02/2014 - Opinião - Folha de S.Paulo

    Reu's Angels




    (Campinas, SP)

    para ver outras charges clique 
    em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    Announcing Truth Teller for Trailers: A new video fact-checking experience




    Truth Teller for Trailers is a new video fact-checking experience that aims to answer the one question movie-goers have about films based on real life: how much of what’s on screen really happened? That question is particularly relevant this week in advance of the Oscars, in which six of the nine films nominated for Best Picture are based on true stories.

    Announcing Truth Teller for Trailers: A new video fact-checking experience

    Todos os trajes do Batman em 1 infográfico q mostra sua evoluçao




    A vestimenta do Batman já foi reinventada várias vezes, você lembra de todas? Para facilitar e reavivar a sua memória, o escritor de quadrinho Grant Morrison criou um infográfico com a evoluçao do Batsuit, desde o ano de 1939. Veja abaixo e diga qual é a sua preferida. 

    Todos os trajes do Batman em 1 infográfico q mostra sua evoluçao - Blue Bus

    Ridículo !!




    foto YASOYOSHI CHIBA

    pela cochlea: Beirut - The Rip Tide



    And this is the house where I
    I feel alone
    Feel alone now

    And this is the house where I
    Could be unknown
    Be alone now

    Soon the waves and I found the rolling tide
    Soon the waves and I found the rip tide

    Cinéfilos do Rio se mobilizam para salvar Grupo Estação, principal circuito de arte da cidade


      Cícero Rodrigues

    França Mendes espera do poder público um tratamento diferenciado que leve em conta a importância desse circuito, revendo por exemplo o valor dos impostos cobrados dos cinemas de rua: – O metro quadrado na cidade triplicou de preço nos últimos anos. Achamos que os cinemas de rua deveriam ter tratamento diferenciado, porque são importantes para a cidade. Poucas cidades do mundo têm um circuito exibidor alternativo como o Estação. A Prefeitura é que tem que dizer, mas acho que o Estação é um patrimônio do Rio.


    reportagem de MARIANA TOTINO:    Portal PUC-Rio Digital:

    Cinéfilos do Rio se mobilizam para salvar Grupo Estação, principal circuito de arte da cidade


      Cícero Rodrigues

    França Mendes espera do poder público um tratamento diferenciado que leve em conta a importância desse circuito, revendo por exemplo o valor dos impostos cobrados dos cinemas de rua: – O metro quadrado na cidade triplicou de preço nos últimos anos. Achamos que os cinemas de rua deveriam ter tratamento diferenciado, porque são importantes para a cidade. Poucas cidades do mundo têm um circuito exibidor alternativo como o Estação. A Prefeitura é que tem que dizer, mas acho que o Estação é um patrimônio do Rio.


    reportagem de MARIANA TOTINO:    Portal PUC-Rio Digital:

    quinta-feira, fevereiro 27, 2014

    Via Iris: DALLAS BUYERS CLUB (Jean Marc Valée, EUA, 2013)


    Nos primordios da epidemia da AIDS, e ninguem sabia direito do que se tratava, e muito menos de como se tratava. O filme se baseia no real de como pessoas se juntavam em rachunchos para conseguir medicamentos que não fossem os oficiais cercados de burocracias. È a luta de um homem pela vida que vira uma luta por várias vidas, correndo contra o tempo, o preconceito e a ganância da indústria farmacêutica.

    Matthew McConaughey, o ator do momento, emagreceu 21 quilos e queima talento proporcionando uma interpretação da pesada. Jared Leto também excelente. São os dois atores que carregam o filme.

    Suas histórias são ótimas mas a encenação no filme é realizada de um modo direto, muito informativo; e  que, embora tente, e tenha material para isto, não conecta a fundo com a emotividade (como, por exemplo, ocorre em Philomena).

    Entretanto, o filme é bom. Um projeto independente que chegou ao grande sucesso e ao páreo do Oscar.


    Governo recria camiseta da Adidas e mostra verdadeira imagem do Brasil




    (Belo Horizonte, MG)


    para ver outras charges clique em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    Investigar que é bom ,nada.



    #viciodachina


    "Aos 14 anos, Zhang vive sob disciplina militar. Acorda às 6h e logo está enfileirada com outros 74 jovens para marchar durante 30 minutos. Os termômetros marcam zero grau. 

    Até o toque de recolher, rigorosamente às 21h, o dia é consumido em uma sequência intensa de atividades, como sessões de reeducação e exercícios físicos. 

    Zhang é a caçula de um grupo de jovens que passa meses isolado do mundo, numa clínica militar na periferia de Pequim. Vivem atrás de grades, mas não fizeram nada ilegal. O que os une é o diagnóstico em comum: são "viciados em internet". 

    O mais velho tem 30 anos. Todos foram levados à força pelos pais, que já não sabiam o que fazer para lidar com filhos que se desligaram da realidade para viver diante da tela do computador. 

    Nove em cada dez são viciados em jogos eletrônicos. Alguns foram drogados e levados inconscientes ao centro de reabilitação. 

    Outros, como Zhang, foram enganados pelos pais, que disseram a ela que iriam viajar. Quando a menina percebeu, esperneou e resistiu à internação, mas foi imobilizada por funcionários do centro e teve que ficar."

     leia a reportagem de MARCELO NINIO
    Folha de S.Paulo - Mundo - #viciodachina - 23/02/2014

    pela cochlea: TAME IMPALA - BE ABOVE IT LIVE



    And I know that I gotta be above it now
    And I know that I can’t let them bring me down
    And I gotta bide my time as a face in the crowd

    Carnaval do Rio terá paródia de marchinhas em tom de protesto



    “Ei, você aí! Me dá vinagre aí, me dá vinagre aí”. 

    Não se assuste se ouvir, nos blocos de Carnaval do Rio, marchinhas tradicionais parodiadas com letras sobre manifestações de rua. 

     É que uma turma aproveitará os cortejos dos próximos dias para, entre plumas e paetês, protestar contra o status quo da cidade. 

     “Quem não chora com bomba. Segura, meu bem, a pimenta. Lugar quente é na caçamba, da PM truculenta”.

    conheça outras: 
    Carnaval do Rio terá paródia de marchinhas em tom de protesto | alalao - Folha de S.Paulo - Blogs

    A carne é fraca!









    SAMUCA
    (Recife, PE)
     
    clique na charge para ve-la maior
    para ver outras charges clique em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    Levado em van roubada, menino conta como conseguiu escapar



    Menino de 11 anos que ficou preso com ladrões em van escolar abraça a mãe

    João (nome fictício), 11, estava numa van escolar quando dois criminosos anunciaram o roubo do veículo. O garoto se escondeu no fundo da perua com outra criança, e, por meia hora, os dois circularam com os criminosos por uma cidade-satélite de Brasília até conseguirem escapar da van. O menino, surpreendentemente articulado para uma criança de sua idade, contou ontem os detalhes da fuga espetacular.

    Levado em van roubada, menino conta como conseguiu escapar - 27/02/2014 - Cotidiano - Folha de S.Paulo

    Militar dá nome de oficial que teria torturado Rubens Paiva



     Fusca queimado fez parte da encenação dos órgãos de repressão para uma falsa tentativa de fuga de Rubens Paiva - Foto: Álbum de família

    • Ex-tenente conta à Comissão da Verdade que viu colega pulando sobre corpo do ex-deputado
    • Paiva passou por sessões de tortura no DOI do Rio

     leia reportagem de CHICO OTÁVIO
    Militar dá nome de oficial que teria torturado Rubens Paiva - Jornal O Globo

    Casal da Califórnia encontra US$ 10 milhões em moedas raras



     Um casal da Califórnia que estava passeando com o cachorro em sua propriedade encontrou uma bonança inesperada nos dias modernos: US$ 10 milhões (R$ 23 milhões) em moedas de ouro raras e em excelente estado enterradas à sombra de uma velha árvore. 

    As moedas têm valores de face de US$ 5, US$ 10 e US$ 20, e ficaram armazenadas mais ou menos em ordem cronológica, disse McCarthy, com as moedas dos anos 1840 e 1850 ocupando um dos cartuchos até que este estivesse cheio, e as peças mais novas sendo guardadas no segundo e depois no terceiro cartucho. 

    leia mais
    Casal da Califórnia encontra US$ 10 milhões em moedas raras - 26/02/2014 - Mundo - Folha de S.Paulo

    Adolescente é amarrado após cometer assalto em Botafogo -


     

    — Quando cheguei, nos primeiros segundos, já vi o cara tentando enfiar o ladrão no porta-malas. Quando ele estava quase fechando, eu consegui me aproximar e entrei na frente. Disse que era advogada e ia denunciá-lo. Enquanto isso, as pessoas gritavam que era para eu levar o ladrão para a casa — contou ao GLOBO, uma moradora, que desceu de seu apartamento após ouvir gritos de dor e pessoas falando: “bate mais, ladrão tem que morrer”.

    Adolescente é amarrado após cometer assalto em Botafogo - Jornal O Globo

    O pequeno torcedor



    (Rio de Janeiro, RJ)
      
    para ver outras charges clique 
    em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    10 motivos porque a campanha da Friboi com Roberto Carlos é um desastre completo- Blog Ricardo Alexandre – MSN Música

     

     "A esta altura, você já deve ter visto e, incrédulo, revisto diversas vezes o comercial estrelado por Roberto Carlos e amigos para a Friboi, marca de carnes da alegada terceira maior empresa de alimentos do mundo, a JBS. Nela, o cantor está esperando sua refeição em um restaurante, quando o garçom lhe serve sua massa de sempre. O pobre homem não sabe que Roberto voltou a comer carne vermelha, desde que seja da Friboi! Todos riem alegremente enquanto o som sobe com o clássico "O Portão", de 1974. 

    A reação foi tão negativa que os comentários no Facebook do cantor passaram a ser monitorados. Qualquer que seja o assunto lançado pelos moderadores, as mensagens de "decepção" e "repúdio" aparecem. No final do dia de ontem, a Friboi desabilitou a opção de avaliação de seu canal oficial - de tão desastrosamente evidente que o público havia se voltado contra a peça.

     E por que tanto repúdio? Abaixo, algumas opções possíveis:

    10 motivos porque a campanha da Friboi com Roberto Carlos é um desastre completo- Blog Ricardo Alexandre – MSN Música

    quarta-feira, fevereiro 26, 2014

    pela cochlea: Giant Sand - Jumpin' Jack Flash

    Morre aos 99 anos o Arnesto do samba de Adoniran Barbosa - Últimas Notícias - UOL Música

    26.fev.2014 - Morre aos 99 anos Ernesto Paulelli, o Arnesto do samba de Adoniran Barbosa
     leia aqui: 
    Morre aos 99 anos o Arnesto do samba de Adoniran Barbosa - Últimas Notícias - UOL Música

    Filho leva cabeça da mãe para ‘ver’ o pai - Rio - O Dia

    Rapaz decepou o cadáver para mostrar revolta com os casos amorosos do viúvo

     leia mais:
    Filho leva cabeça da mãe para ‘ver’ o pai - Rio - O Dia

    Qual vaquinha deu mais dinheiro?



    (Campinas, SP)

    para ver outras charges clique 
    em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    Paco de Lucia

    Photo: Minha homenagem ao grande Paco de Lucía. 


    GLEN BATOCA

    Torturas - Policial que foi do Dops na época da ditadura conta que prática contra presos políticos era rotineira


    "O ex-agente, que usava o codinome de Escrivão Pinheiro, afirmou que assistiu à tortura de presos “por curiosidade”. “Mas fiquei decepcionado por ver o que faziam com um ser humano. Saí pensando que, se precisasse fazer aquilo, ia tentar tirar o serviço de outro jeito”, alegou o policial.

    Apesar de afirmar que não participou diretamente das sessões de tortura, ele, que se referiu aos torturados como “subversivos”, não condenou a prática e a justificou dizendo que foi “uma fase” que o Brasil viveu. “Cada um fazia o seu trabalho”, afirmou Lopes ao depor.



    Ele relatou que os presos políticos eram colocados nus em cima de latas de leite e, quando não aguentavam mais ficar em pé e caiam, começavam as sessões de tortura. Ele contou que os maus-tratos eram tão violentos que dava para ouvir os gritos das vítimas de longe.


    Ele confirmou que sabia que os presos eram submetidos a vários instrumentos de torturas. E citou a cadeira do dragão que, segundo o policial, “tinha um alto-falante tão alto que até os agentes ficavam tontos”."


     leia mais:
    Ex-agente diz ter visto torturas - Brasil - O Dia

    Site brinca com os 'evitem' do prefeito Eduardo Paes



     Nesta terça-feira, começou a ganhar vulto na Internet o tumblr (espécie de blog que privilegia imagens) " Eduardo Paes pede ". O mote é o transtorno no trânsito provocado por obras, como a demolição da Avenida Perimetral e os contantes pedidos do prefeito para que a população "evite" alguma coisa. 



    "Para minimizar a sensação de calor, Eduardo Paes pede que cariocas evitem se movimentar". "Com os preços abusivos dos imóveis, prefeito pede que cariocas evitem morar na cidade". "Para conter a alta dos preços, Eduardo Paes pede que cariocas evitem gastar dinheiro", são algumas das troças feitas no site.

    Site brinca com os 'evitem' do prefeito Eduardo Paes - Rio - O Dia


    Então ficam as perguntas: E se não tivesse atuado numa novela da Globo? E todos os outros que não são conhecidos ?

    ..

    'True Detective,' Flat Circles And The Eternal Search For Meaning 

      


    Maureen Ryan :

    "And ultimately, the show is not about Reggie Ladoux or the Yellow King or a serial killer -- it's about a sickness despoiling something beautiful. Sin enters the garden.

    These religious themes crop up not just in the tent revival scenes or in Cohle's pontifications, they're also a cornerstone of the show's visual motifs. Refineries loom over delicate wetlands, fading towns lose their grip on the landscape, bounteous overgrowth reclaims spoiled territory, birds fly in foreboding patterns, schools are abandoned by humans. These visuals represent brief moments in the grand scheme of "True Detective," but this is the kind of show in which nothing happens by accident.

    To me, "True Detective" has emerged as a bayou "Blade Runner": Both depict technology and mechanical interventions as having separated us from our souls or even from reality itself. "Blade Runner," a dreamscape of lights, patterns and metal, was also obsessed with questions of what's real, what's synthetic and whether the distinction matters. Both it and "True Detective" constantly return to this juxtaposition of the natural and the mechanical."


    'True Detective,' Flat Circles And The Eternal Search For Meaning | Maureen Ryan

    terça-feira, fevereiro 25, 2014

    Via Iris: PHILOMENA (Stephen Frears, Inglaterra, 2013)



    A história das freiras Magdalena, na Irlanda, contada por outro ponto de vista, por quem foi acolhida no convento, gestante solteira, e teve que entregar seu filho, fruto do seu pecado, para adoção. Esta mulher é Philomena. Cinquenta anos depois, parte em busca deste filho, com a ajuda de um jornalista recém-defenestrado vergonhosamente como porta-voz do partido no poder.

    A história (real) é a busca por este filho mas principalmente a amizade que vai se formando entre duas figuras tão distintas. É uma historia de determinação, de fé, e do perdão. Poderia ser um melê lacrimoso mas estamos nas mãos de Stephen Frears, um cineasta humanista e brilhante.

    Um filme íntimo, pessoal, que trata de grandes questões. E um drama com muito humor: as tiradas da Philomena são ótimas. Foi interessante quando, na cerimônia do Globo de Ouro, a Philomena real subiu ao palco. É interessante, também, no filme, ao passarem os filmetes do filho quando era bebê e criança, terem usado as imagens do garoto real da Philomena real.




    Cadê a Viga? - Concurso de Marchinhas do Rio de Janeiro




    Senhor prefeito
    Não é intriga
    Aonde foi
    Que enfiaram aquela viga?

    Onde foi que enfiaram aquela viga?




    (Rio de Janeiro, RJ)

    para ver outras charges clique em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    É injusto dizer que Roberto Carlos se vendeu para a Friboi porque ele sempre esteve à venda

     roberto caros
     
    "O caso de Roberto é diferente. Ele sempre foi vendido. Não há nada que o faça sair de casa que não seja faturar. Isso inclui passar a comer picanha ou participar de uma farsa como a entrevista em que afirmou que estaria disposto a rever sua postura com relação a biografias não autorizadas.

    Ninguém tem o direito de se surpreender com as causas que RC defende em troca de grana. Ele falava das baleias quando o mundo falava das baleias. Fez uma canção sobre isso porque renderia alguns trocados, como rendeu. Roberto é tão preocupado com a ecologia quanto, digamos, Paulo Maluf. Não  gosta nem de chuva: não moveu uma palha quando seus conterrâneos foram desabrigados por causa de alagamentos no Espírito Santo."

     ARTIGO DE KIKO NOGUEIRA:
    Diário do Centro do Mundo » É injusto dizer que Roberto Carlos se vendeu para a Friboi porque ele sempre esteve à venda

    Na estreia da ‘Tropa do Braço’, a PM bateu de cassetete em manifestantes e jornalistas em protesto contra a Copa


     A "Tropa do Braço" em ação

    “Qualquer matéria sobre a manifestação de hoje em São Paulo que não mencione que: 1) a manifestação seguia pacífica e foi gratuitamente atacada pela polícia; 2) que os policiais estavam em número muito elevado e emboscaram a manifestação; 3) que os policiais, como de costume, estavam sem identificação; e 4) que as prisões de manifestantes foram completamente arbitrárias e abusivas, não é uma matéria jornalística. É apenas falsificação dos fatos e propaganda política. Muitos editores creem que estão sendo responsáveis ao relatar seletivamente os fatos de maneira a não incentivar novas manifestações.”

    reportagem de MAURO DONATO: 
    Diário do Centro do Mundo » Na estreia da ‘Tropa do Braço’, a PM bateu de cassetete em manifestantes e jornalistas em protesto contra a Copa

    Braulio Tavares: Estação Botafogo

     

     
     
    O Cineclube Estação Botafogo (sinto muito, só sei chamá-lo assim) está ameaçado de fechar, por dívidas e outros problemas.  Ele foi no Rio de Janeiro, nos anos 1980, o que a Cinemateca do MAM tinha sido quinze anos antes. Multidões superlotavam aquela calçada estreita para rever Blade Runner numa época em que ele não estava acessível na torneira de cada computador. Íamos todos atraídos pelos mesmos filmes, filmes imprevisíveis que imantavam pessoas afins. Foi saindo de uma sessão de Billy Liar de John Schlesinger que encontrei com Homero de Carvalho (hoje na Fiocruz) e o poeta/publicitário Ulisses Tavares, meu “primo”, e pude fazer esta apresentação histórica: “Homero, este é Ulisses. Ulisses, este é Homero”; e fomos tomar cerveja.  

    O Estação, contudo, não é apenas a memória afetiva de todos nós. Era para mim, recém-chegado ao Rio, a revelação de uma realidade empresarial que jamais teria passado pela minha cabeça.  Coincidiu com outras iniciativas da rapaziada carioca que fizeram um sucesso estrondoso, tais como o Circo Voador e o Planeta Diário, todos decolando quase ao mesmo tempo. Era possível fazer sucesso e ganhar dinheiro fazendo o que cada um gostava, e atraindo um público capaz de gostar também e de entender tudo. 

     leia o artigo de  BRAULIO TAVARES:

    Mundo Fantasmo: 3431) Estação Botafogo (25.2.2014)

    It must be credibly motivated, both as to the...





    Open Culture unearths Raymond Chandler’s 10 rules for detective stories, many of which apply just as perfectly to storytelling in general.

    read it here
    Explore – It must be credibly motivated, both as to the...

    Facebook engole o WhatsApp






    (Campinas, SP)

    para ver outras charges clique 
    em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    segunda-feira, fevereiro 24, 2014

    The One Literary Reference You Must Know to Appreciate ​True Detective


     The One Literary Reference You Must Know to Appreciate ​True Detective

    The King in Yellow is a fictional play within a collection of short stories—a metafictional dramatic work that brings despair, depravity, and insanity to anyone who reads it or sees it performed. Chambers inserts only a few selected scenes from the play into his story collection, and all of them are from the first act. This act, we are told, is a bit of a honeypot, luring readers into the cursed text. If they read even the first few words of Act II they are driven insane by the revelation of horrible, decadent, incomprehensible truths about the universe.

    read more
    The One Literary Reference You Must Know to Appreciate ​True Detective

    pela cochlea : Frank Sinatra - When I Take My Sugar To Tea



    Cause I never take her where the gang goes
    When I take my sugar to tea

    O estranho caso do juiz fanfarrão, de sua foto na praia e do sumiço de cocaína no Paraná


     O juiz e seu "protesto" enviesado no Facebook

    O juiz federal paranaense Marcelo Antonio Cesca, 33 anos, está tendo seus 15 minutos de fama depois que uma foto sua na praia, com uma namorada bem mais nova, virou notícia. Junto às imagens, ele escreveu no Facebook: “Eu agradeço ao Conselho Nacional de Justiça por estar há 2 anos e 3 meses recebendo salário integral sem trabalhar, por ter 106 dias de férias, mais 60 dias pra tirar a partir de 23/03/14, e por comemorar e bebemorar tudo isso numa quinta-feira”.

    Com um salário calculado em 22 mil reais, virou o símbolo da vagabundagem, de que o Brasil, nas palavras imortais de Sheherazade, não é um país civilizado.

    Mas será essa a história completa?

    Não.

    leia o artigo de Kiko NOGUEIRA
    Diário do Centro do Mundo » O estranho caso do juiz fanfarrão, de sua foto na praia e do sumiço de cocaína no Paraná

    arroba arromba


    (Rio de Janeiro, RJ)
     
    para ver outras charges clique 
    em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    pela cochlea: Roberta Sa - O Nego e Eu (JOão Cavalcante)



    Gosto de ser vista pelas festas
    Ser seguida pelas frestas
    Protagonista do sonho alheio

    Gosto de deixar pelos lugares
    Um punhado de olhares
    Incendiados do fogo que ateio

    Gosto que me vejam por inteira
    Gosto de solar na gafieira
    Gosto se me sinto desejada
    Mas eu levo a madrugada pra mim
    Porque gosto mais é do chamego
    E dos beijos do meu nego no fim

    Why the Olympics Are a Lot Like ‘The Hunger Games’



    Samantha Retrosi



     "As those who generate super-profits for sponsors, today’s Olympic athletes are workers. Like any other workers, athletes are limited by their economic vulnerability—in this case, control by the sporting hierarchy. Iron-clad corporate control enforces social discipline over the athletes themselves, but also over the economy of the Olympics as a whole. The IOC, the USOC and each sport’s national governing body are mere intermediaries between athletes and corporate sponsors, solidifying the relationship of exploitation.

    It’s no surprise that the indicators of athlete success are also those that drive market success, and that both are products of the same ideology: competition, individualism, domination. When these values are combined with the athletes’ tenuous economic identity as an exploited labor pool, the competition for resources cements a divide-and-conquer relationship that undermines their ability to think and act in terms of solidarity with their fellow athlete-workers. Throw in a teaspoon of patriotism and a dash of nationalism, and the recipe for divide and conquer is complete. The result is a subservient class that plays by the rules of the corporate sponsors and the sporting managerial class—the IOC, USOC and other national governing bodies. "

    Why the Olympics Are a Lot Like ‘The Hunger Games’ | The Nation

    Atentado no Riocentro teria como objetivo matar artistas como Chico Buarque e Gonzaguinha


     Atentado no Riocentro teria como objetivo matar artistas como Chico Buarque e Gonzaguinha

    O atentado a bomba no Riocentro, em 30 de abril de 1981, que matou um sargento durante o Regime Militar, tinha como objetivo matar artistas como Chico Buarque, Elba Ramalho, Gonzaguinha e Fágner, que se apresentavam no local em um show em homenagem ao Dia do Trabalho. De acordo com reportagem do programa da Rede Globo 'Fantástico', o ex-delegado de polícia Cláudio Guerra assumiu, em depoimento ao Ministério Público Federal, que a bomba seria colocada no palco em que ocorreriam os shows.

    "Seria colocado no palco, justamente pra atingir. A comoção seria a morte de artistas mesmo", revelou Guerra. Ele também contou que foi enviado novamente ao Riocentro para prender pessoas falsamente ligadas à explosão. No depoimento, ele revela a existência de mais uma bomba e um novo  alvo. "


    Atentado no Riocentro teria como objetivo matar artistas como Chico Buarque e Gonzaguinha | Brasil | Metro1 - O portal de notícias do Grupo Metrópole.

    É no Braço



    (Curitiba, PR)
     
     

    Marcadores: ,


    Não sei o quanto uma pesquisa tipo datafolha consegue espelhar a realidade... mas impressiona um indice tão alto de rejeição à Copa no Brasil - 38% - aqui na pátria de chuteiras.

     ..

    Voynich Manuscript partially decoded, text is not a hoax, scholar finds


     

    The 600-year-old, strangely-illustrated Voynich Manuscript (which resides at Yale University) has been called the most mysterious manuscript in the world. Not a single word of the secret language has been decoded, at least not until now. Stephen Bax of the University of Bedfordshire says he has decoded ten words from the Voynich Manuscript. This seems to indicate that the document is not a hoax filled with nonsense words, as some scholars have concluded. 

    Voynich Manuscript partially decoded, text is not a hoax, scholar finds - Boing Boing



    domingo, fevereiro 23, 2014

    Via Iris: NEBRASKA (Alexander Payne, EUA, 2013)



    O que Payne não conseguiu com aquela familia havaiana - não achou tom, embora The Descendants tenha feito sucesso - acertou com esta família do interior do EUA, onde o velho pai, mais pra lá do que pra cá, cisma que ganhou premio de um milhão de dólares. Há que buscar a bufunfa em Nebraska. Um de seus filhos, pra agradar o pai turrão - e pela possibilidade de passar algum tempo raro com o pai - acede em levá-lo até lá.

    Um filme simples, modesto e... tocante.
    Não é nem que seja filmado em preto e branco, está mais para prateado e branco... onde quem brilha é o ator Bruce Dern. Um filme sobre paixões, sobre sonhos, sobre famílias. Na estrada, a reação das pessoas ao futuro milionário, os vislumbres sobre a vida do velho pai, E com o humor acridoce que caracteriza Payne desde Election e Citizen Ruth. Os cenários, lavados, desolados - como há pneus velhos por toda parte! - retratam bem o interiorzão americano.





    Ill-conceived ‘Too Cool To Do Drugs’ pencils are back!

     
    Back in the 90s, kids were given these pencils at schools and what not with the anti-drug slogan “Too Cool To Do Drugs.” Problem was, once they sharpened these puppies, the “anti-drug” message quickly changed to “Cool To Do Drugs,” “Do Drugs” and “Drugs.” Apparently, all of these problematic pencils were recalled in 1998. Boo!

    Dangerous Minds | Ill-conceived ‘Too Cool To Do Drugs’ pencils are back!

    Sucesso do Flappy Bird chega a Brasília



    (Vila Velha, ES)
     
    para ver outras charges clique 
    em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    'Humor não serve mais para nada', diz Jaguar, em sua 'última entrevista' -




    por Arnaldo Bloch 

    "O título acima pode dar a entender que Jaguar, o cartunista mais escrachado do país, está amargurado. Afinal, aos 82 anos, teve que parar de beber, um duro golpe. Mas, em quatro horas de conversa, ele emenda uma piada na outra sem perder o fôlego, ri como criança, chama a fotógrafa Ana Branco de ditadora e, quando ela deixa o local para fotografar um bueiro que explodiu, sugere que gazeteie a pauta: “Bueiro estourado e Jaguar, dá no mesmo”. Sem medo de patrulha, o fundador do “Pasquim”, hoje chargista do “Dia”, dispara contra todo mundo. E desenha, bebe cerveja sem álcool, canta e, apesar da amnésia abstêmia que às vezes interrompe sua fala, passa a limpo, ou a sujo, uma vida que daria livro, filme ou ópera. De vanguarda...  "

    'Humor não serve mais para nada', diz Jaguar, em sua 'última entrevista' - Jornal O Globo

    pela cochlea: Los Vânda - Do Paes ao Cabral

    Imagens que enganam





    De: SUZANA SINGER:

    Era uma vez um menino sírio de quatro anos que, fugindo do seu país, cruzou sozinho o deserto. Um conterrâneo seu, desamparado, dormiu entre os túmulos do pai e da mãe, vítimas da guerra civil.
    As histórias, de cortar o coração, circularam pela internet e foram publicadas em alguns órgãos de imprensa. Felizmente, eram falsas.
    O garotinho Marwan, com sua sacola de plástico, não foi encontrado perambulando sozinho rumo à Jordânia, como noticiou, na terça-feira, o site da Folha, o "Estado de S. Paulo" e o "Yahoo", entre outros.
    Marwan tinha se distanciado por alguns momentos do resto da família, que caminhava mais à frente, quando foi abordado por funcionários da ONU que ajudam refugiados.
    Um deles colocou a foto de Marwan no Twitter, mas sem falar em cruzada solitária pelo deserto. Quem acrescentou a pitada dramática foi uma âncora da CNN que tem 122 mil seguidores na rede social. Dali, a imagem se espalhou.
    O outro menino, do cobertor vermelho, não é sírio, os montes ao seu redor não são túmulos e ele não estava dormindo.
    Nesse caso, houve má-fé. A imagem foi pinçada do Instagram de um fotógrafo saudita e ganhou uma legenda mentirosa. Era um ensaio artístico, em cenário montado, sobre o "amor insubstituível dos pais". O menino é sobrinho do fotógrafo, não é órfão e não vive na Síria.
    O propagador do engano é um americano que vive na Arábia Saudita e tem 179 mil seguidores no Twitter. A imagem explodiu na web, em janeiro, mas a grande imprensa não caiu na armadilha.
    Os dois casos ilustram como não dá para confiar no que está nas redes sociais, onde "quem conta um conto aumenta um ponto". 




    fotografias de Andrew Harper e Abdul Aziz al Otalbi.

    Metrô na contramao



    (Rio de Janeiro, RJ)

    para ver outras charges clique em marcadores:charges

    Marcadores: ,


    e o blog0news continua…
    visite a lista de arquivos na coluna da esquerda
    para passear pelos posts passados


    Mas uso mesmo é o

    ESTATÍSTICAS SITEMETER